desenvolvimento institucional em Tejupá

Encontre desenvolvimento institucional em Tejupá na Web4business - Desenvolvimento de Sistemas e Sites Personalizados.

Desenvolvimento

Acto ou efeito de desenvolver.
Crescimento.
Ampliação.
Minuciosidade.


Institucional

Relativo a uma instituição. Cf. _Jorn. do Brasil_, de 11-II-905.


Tejupá


Município de Tejupá
Praça principal da cidadeBandeira indisponívelBrasãoHino
Aniversário25 de abril
Fundação1965 (54 anos)
Gentílicotejupaense
Padroeiro(a)Nossa Senhora do Patrocínio
CEP18830-000
Prefeito(a)Pedro Bergamo Neto (PTB)(2017 – 2020)
Localização
Localização de Tejupá em São PauloTejupá Localização de Tejupá no Brasil
23° 20' 34" S 49° 22' 33" O23° 20' 34" S 49° 22' 33" O
Unidade federativaSão Paulo
MesorregiãoAssis IBGE/2008[1]
MicrorregiãoOurinhos IBGE/2008[1]
Municípios limítrofesItaí, Taquarituba, Taguaí, Piraju, Fartura
Distância até a capital331 km
Características geográficas
Área296,343 km² [2]
População4 809 hab. Censo IBGE/2010[3]
Densidade16,23 hab./km²
Altitude765 m
ClimaSubtropical Cfb
Fuso horárioUTC?3
Indicadores
IDH-M0,704 alto PNUD/2000[4]
PIBR$ 47 582,189 mil IBGE/2008[5]
PIB per capitaR$ 9 337,16 IBGE/2008[5]
Página oficial
Prefeiturawww.tejupa.sp.gov.brTejupá é um município do estado de São Paulo, no Brasil. O município é formado pela sede e pelos distritos de Águas Virtuosas e Ribeirão Bonito[6][7].Índice1 Topônimo
2 História
3 Geografia3.1 Hidrografia
3.2 Rodovias
4 Comunicações
5 Administração
6 Perímetro APA Tejupá
7 Economia
8 Referências
9 Ligações externasTopônimo[editar | editar código-fonte]
"Tejupá" é um termo originário do tupi teîupara, que significa "choupana para abrigo durante viagens".[8] É uma referência às choças de índios que, segundo a tradição popular, existiam na região antes da chegada dos colonizadores de origem europeia.[9]História[editar | editar código-fonte]
Por volta de 1868, as famílias Leais, Ilhéus e Pifanos criaram a povoação de Nossa Senhora do Patrocínio. Em 1889, a povoação foi elevada a distrito de paz pertencente ao município de Piraju, com o nome de "Pedra Branca". Por vontade dos moradores, esse nome foi alterado para "Belo Monte", numa referência aos montes que circundam a cidade. Em dezembro de 1963, Belo Monte se emancipou de Piraju, tornando-se o município de Tejupá.[9] Geografia[editar | editar código-fonte]
Localiza-se a uma latitude 23º20'34" sul e a uma longitude 49º22'35" oeste, estando a uma altitude de 765 metros. Sua população estimada em 2004 era de 5 646 habitantes.Hidrografia[editar | editar código-fonte]
Rio Paranapanema
Represa de Jurumirim
Rio Taquari
Ribeirão Bonito
Rodovias[editar | editar código-fonte]
SP-270
Rodovia Antônio Nicolau Ferreira
Comunicações[editar | editar código-fonte]
A cidade foi atendida pela Companhia de Telecomunicações do Estado de São Paulo (COTESP) até 1973, quando passou a ser atendida pela Telecomunicações de São Paulo (TELESP)[10], que construiu em 1985 a central telefônica utilizada até os dias atuais. Em 1998 esta empresa foi privatizada e vendida para a Telefônica, sendo que em 2012 a empresa adotou a marca Vivo para suas operações de telefonia fixa[11][12][13].Administração[editar | editar código-fonte]
Prefeito: Pedro Bergamo Neto (2017/2020)
Vice-prefeito: Henrique Huggler Filho
Perímetro APA Tejupá[editar | editar código-fonte]
(APA: Área de Proteção Ambiental)
Criado pelo Decreto Estadual n° 20 960, de 8 de junho de 1983, compreende os municípios de: Timburi, Sarutaiá, Piraju, Tejupá, Fartura, Taguaí, Barão de Antonina, Itaporanga, Coronel Macedo e Taquarituba. Ou seja: os municípios da Serra de Fartura, na faixa de cuestas basálticas que dominam a região da divisa de São Paulo com o Paraná.
Área total: 158 830,00 hectares
Rios envolvidos: rio Itararé, rio Paranapanema (e represa de Chavantes), rio Verde, rio Taquari e nascentes, córregos e cachoeiras.
Este perímetro representa um grande potencial turístico para a região.Economia[editar | editar código-fonte]
A economia é baseado na agropecuária, predominando as lavouras de café, feijão, milho e soja.Referências? a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008 ? IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 ? «Censo Populacional 2010». Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2010. Consultado em 11 de dezembro de 2010 ? «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 ? a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 ? «Municípios e Distritos do Estado de São Paulo» (PDF). IGC - Instituto Geográfico e Cartográfico ? «Divisão Territorial do Brasil». IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística ? NAVARRO, E. A. Dicionário de tupi antigo: a língua indígena clássica do Brasil. São Paulo. Global. 2013. p. 602.? a b CityBrazil. Disponível em http://www.citybrazil.com.br/sp/tejupa/historia-da-cidade http://www.citybrazil.com.br/sp/tejupa/historia-da-cidade. Acesso em 16 de dezembro de 2013.? «Área de atuação da Telesp em São Paulo». Página Oficial da Telesp (arquivada) ? «Convênio de incorporação da COTESP pela TELESP em 25 de outubro de 1973». Portal da Câmara dos Deputados ? «Nossa História». Telefônica / VIVO ? GASPARIN, Gabriela (12 de abril de 2012). «Telefônica conclui troca da marca por Vivo». G1
Ligações externas[editar | editar código-fonte]
Página da prefeitura
Tejupá no WikiMapia
Portal de São Paulo