desenvolvimento institucional em Sobrado

Encontre desenvolvimento institucional em Sobrado na Web4business - Desenvolvimento de Sistemas e Sites Personalizados.

Desenvolvimento

Acto ou efeito de desenvolver.
Crescimento.
Ampliação.
Minuciosidade.


Institucional

Relativo a uma instituição. Cf. _Jorn. do Brasil_, de 11-II-905.


Sobrado

Nota: Se procura pelo(a) artigo sobre o livro, veja O Sobrado (livro).O Sobrado
Cartaz do filme.
Brasil1956 ? pb ? 110 min
DireçãoWalter George DurstCassiano Gabus Mendes RoteiroWalter George Durst Érico Veríssimo (livro)
ElencoFernando BaleroniBárbara FázioJosé Parisi Géneroficção histórica

Idiomaportuguês
Página no IMDb (em inglês)


















O Sobrado é um filme brasileiro de 1956, do gênero drama, dirigido por Walter George Durst e Cassiano Gabus Mendes e roteiro de Durst, baseado na trilogia O Tempo e o Vento, de Érico Veríssimo.Conta a história do cerco à residência (um sobrado) de um líder político, com conflitos se desenrolando também entre os ocupantes sitiados. As filmagens foram nos Estúdios da Vera Cruz em São Bernardo do Campo. Números musicais com canções do folclore gaúcho ("Canção da Esperança", "Fandango", "Chula do sobrado" e "Nau da Catarineta") com acordeão de Rielinho.Índice1 Elenco
2 Sinopse
3 Prêmios
4 Outras adaptações
5 Bibliografia
6 Ver também
7 ReferênciasElenco[editar | editar código-fonte]
Fernando Baleroni... Licurgo Cambará
Bárbara Fázio... Ismália Caré
José Parisi...Antero
Lia de Aguiar... Maria Valéria Terra
Lima Duarte ... Gervásio
Dionísio de Azevedo ... Fandango
Márcia Real... Alice Terra Cambará
David Neto...Alvarino Almaral
Adriano Stuart ... Rodrigo Terra Cambará
Xisto Guzzi...Florêncio Terra
Turíbio Ruiz... Rodrigo Cambará
Luís Gustavo...Jango Veiga
Henrique Martins...Zé Lírio / Tenente Liroca
Jaime Barcelos...Tinoco
Rosalina Granja...Bibiana Terra Cambará
Douglas Norris...Trindade
Aparecida Rodrigues...Laurinda
David José...Toríbio Terra Cambará
Batucada...João Batista
Veridiano...Damião
Geraldo Louzano...Joviano
Victor Merinow...Inocêncio
Romeu Sanchez...Nepomuceno
Oswaldo Soares...Zé Inácio
Mauro Pires...Doutor Winter
Geraldo Castelaro...Padre Atílio
Sinopse[editar | editar código-fonte]
No final do século XIX, durante a presidência do Marechal Floriano Peixoto, eclode no sul do Brasil a Revolução Federalista. Em Santa Fé, uma pequena vila da Província de São Pedro do Rio Grande do Sul, as duas mais poderosas famílias da região ficam em lados opostos. Os Cambarás são governistas (apelidados de "pica-paus") e os Amaral, dos rebeldes (os "Maragatos"). A disputa atinge o auge quando o Coronel Alvarino Amaral reúne seus empregados e cerca o Coronel Licurgo, fazendeiro, intendente e líder do Partido governista da cidade. Sem alternativa, Licurgo, sua família (os avós, os dois filhos pequenos, a esposa e cunhada) e os outros parentes e empregados tentam defender sua casa (o "sobrado") e o prédio da intendência, se refugiando enquanto aguardam os reforços federalistas. Licurgo sabe que a revolução terminou com a vitória do governo mas esconde dos homens pois quer aproveitar a situação para se livrar definitivamente dos rivais. Pouco depois, reúne-se aos sitiados Ismália, mestiça índia amante ("china") de Licurgo, para raiva da cunhada dele, Maria Valéria. A esposa de Licurgo está grávida e está para dar a luz mas o coronel não aceita pedir trégua para buscar ajuda médica. Os inimigos sobem na torre da igreja e atiram em todos que saem do sobrado, principalmente aqueles que vão até o poço em busca de água. O cerco dura vários dias e a munição e a comida estão no fim mas Licurgo continua a resistir.Prêmios[editar | editar código-fonte]
Associação Brasileira de Cronistas Cinematográficos (1956)[1]
Melhor Filme
Melhor Cenografia (Mauro Francini)
Prêmio Saci (1956)
Melhor Ator (Fernando Baleroni)[1]
Prêmio Governador do Estado de São Paulo (1956)[1]
Melhor Diretor
Melhor Cenografia (Mauro Francini)
Outras adaptações[editar | editar código-fonte]
Um Certo Capitão Rodrigo, filme de Anselmo Duarte
Ana Terra (filme), dirigido por Durval Garcia
O Tempo e o Vento (filme), dirigido por Jayme Monjardim
O Tempo e o Vento (minissérie)
O Tempo e o Vento (telenovela)
Bibliografia[editar | editar código-fonte]
Vídeos - Guias Práticos Nova Cultural, 1988[vago].
Ver também[editar | editar código-fonte]
O Sobrado (livro)
Referências? a b c «Cinemateca Brasileira». Consultado em 4 de julho de 2011
Portal da arte Portal do cinema Portal da literatura Portal do Brasil
vdeCassiano Gabus MendesRede TupiDécadas de 1950, 1960 e 1970 Alô, Doçura! (1953-64) • O Amor Tem Cara de Mulher (1966) • Os Galãs Atacam de Madrugada (1967) • Beto Rockfeller (1968-69) • Hospital (1971)Rede GloboDécada de 1970Anjo Mau (1976) • Locomotivas (1977) • Te Contei? (1978) • Marron Glacê (1979-80)Década de 1980Plumas e Paetês (1980-81) • Elas por Elas (1982) • Champagne (1983-84) • Ti Ti Ti (1985-86) • Brega & Chique (1987) • Que Rei Sou Eu? (1989)Década de 1990Meu Bem, Meu Mal (1990-91) • O Mapa da Mina (1993)Regravações realizadas pela televisão chilenaCanal 13Ángel malo, baseado em Anjo Mau (1986) • ¿Te conté?, baseado em Te Contei? (1990) • Ellas por ellas, baseado em Elas por Elas (1991) • Fácil de amar, baseado em Plumas e Paetês (1992) • Marrón Glacé, baseado em Marron Glacê (1993) • Champaña, baseado em Champagne (1994) • El amor está de moda, baseado em Ti Ti Ti (1995) • Marrón Glacé, El Regreso, continuação de Marrón Glacé (1996)TVNBellas y audaces, baseado em Locomotivas (1988) • Rompecorazón, baseado em Brega e Chique (1994)Regravações realizadas pela televisão mexicanaTelevisaNi Contigo Ni Sin Ti, baseado em Te contei? (2011)Regravações realizadas pela Rede Globo e outras obrasAnjo Mau (1997) • Ti Ti Ti (2010)Séries e filmesO Sobrado (filme de 1956) • Já não Se Faz Amor como antigamente (filme de 1976) • Mário Fofoca (série de 1983) • As Aventuras de Mário Fofoca (filme de 1983)Personagens notóriosBeto Rockfeller • Nice • Kiki Blanche • Léo • Madame Clô • Mário Fofoca • Jacques Leclair • Victor Valentim • Rafaela Alvaray • Rainha Valentine • Ravengar • Divina Magda • Porfírio • Dom Lázaro Venturini • Isadora Venturini
vdeÉrico VeríssimoLivros1930Fantoches (1932) ? Clarissa (1933) ? Caminhos cruzados (1935) ? A vida de Joana d'Arc (1935) ? Música ao longe (1936) ? Um lugar ao sol (1936) ? As aventuras do avião vermelho (1936) ? Os três porquinhos pobres (1936) ? Rosa Maria no castelo encantado (1936) ? Meu ABC (1936) ? As aventuras de Tibicuera (1937) ? Olhai os lírios do campo (1938) ? O urso com música na barriga (1938) ? A vida do elefante Basílio (1939) ? Outra vez os três porquinhos (1939) ? Viagem à aurora do mundo (1939) ? Aventuras no mundo da higiene (1939) ? Saga (1940)1940Gato preto em campo de neve (1941) ? As mãos de meu filho (1942) ? O resto é silêncio (1943) ? A volta do gato preto (1946) ? O tempo e o vento / O continente (1949)

1950O tempo e o vento / O retrato (1951) ? Gente e bichos (1956) ? México (1957) ? O ataque (1958)

1960O tempo e o vento / O arquipélago (1961) ? O senhor embaixador (1965) ? O escritor diante do espelho (1966) ? O prisioneiro (1967) ? Israel em abril (1969)

1970Incidente em Antares (1971) ? Solo de clarineta (2 volumes) (1973 e 1976)
AdaptaçõesCinemaMirad los lirios del campo ? O sobrado ? Um certo capitão Rodrigo ? Ana Terra ? Noite ? O Tempo e o Vento
TelevisãoO tempo e o vento ? Olhai os lírios do campo ? O resto é silêncio ? Música ao longe ? O tempo e o vento ? Incidente em Antares ? O resto é silêncio

Este artigo sobre um filme brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.vde