desenvolvimento de loja virtual em União da Vitória


Encontre desenvolvimento de loja virtual em União da Vitória na Web4business - Desenvolvimento de Sistemas e Sites Personalizados.

Desenvolvimento

Acto ou efeito de desenvolver.
Crescimento.
Ampliação.
Minuciosidade.


Loja

Casa térrea.
Pavimento térreo de, uma casa.
Casa para venda de mercadorias.
Oficina.
Habitação assobradada, ao rés do chão.
Casa de associação maçónica.


Loja

Designação do ânus da cavalgadura.


Virtual

Que existe como faculdade, mas sem exercício ou efeito actual.
Possível; susceptível de se realizar.
Potencial.
Diz-se do foco de um espelho, determinado pelo encontro dos prolongamentos geométricos dos raios luminosos.


Município de União da Vitória
"Rainha da Fronteira"
Panorâmica de União da Vitória e de Porto União. Em evidência, o rio Iguaçu.BandeiraBrasãoHino
Fundação27 de março de 1890 (129Â anos)
Gentílicounião-vitoriense
Prefeito(a)Hilton Santin Roveda[1] (PR)(2017 – 2020)
Localização
Localização de União da Vitória no ParanáUnião da Vitória Localização de União da Vitória no Brasil
26° 13' 48" S 51° 05' 09" O26° 13' 48" S 51° 05' 09" O
Unidade federativaParaná
MesorregiãoSul Paranaense IBGE/2008 [2]
MicrorregiãoUnião da Vitória IBGE/2008 [2]
Municípios limítrofesNorte: Cruz Machado; Sul: Porto União (SC); Leste: Paula Freitas e Paulo Frontin; Oeste: Porto Vitória e Bituruna.[3]
Distância até a capital243Â km[4]
Características geográficas
Área720,005 km² (PR: 79°)[5]
População57 111 hab. (PR: 32º) ? estimativa IBGE/2018[6]
Densidade79,32 hab./km²
Altitude765 m
Climasubtropical Cfb
Fuso horárioUTC?3
Indicadores
IDH-M0,793 (PR: 33°) ? alto PNUD/2000 [7]
PIBR$ 519Â 602,453 mil IBGE/2008[8]
PIB per capitaR$ 9Â 794,95 IBGE/2008[8]União da Vitória é um município brasileiro do estado do Paraná. Pertence à microrregião de mesmo nome e também a Mesorregião do Sudeste Paranaense, apesar de que formalmente está localizada no extremo Sul do estado. Fica 243 km a oeste da capital do estado e a 1.472Â km da capital do país.[4] Sua população, conforme estimativas do IBGE de 2018, era de 57Â 111[6] habitantes.
A cidade faz divisa com Porto União, no estado de Santa Catarina, através de uma linha férrea e também pelo Rio Iguaçu, que corta o município. Essa divisão entre as duas cidades, forma um único núcleo urbano de aproximadamente 89.000 mil habitantes, sendo conhecida como as "Gêmeas do Iguaçu"[9].Índice1 História1.1 Antecedentes
1.2 Formação e progresso do município
2 Geografia2.1 Localização
2.2 Geomorfologia
2.3 Solos
2.4 Hidrografia
2.5 Subdivisões
2.6 Clima
2.7 Vegetação
2.8 Fauna
3 Demografia3.1 População
3.2 Formação étnica
4 Economia
5 Infraestrutura5.1 Transportes
5.2 Educação
5.3 Saúde
5.4 Serviços e comunicações
6 Cultura e Lazer6.1 Turismo
6.2 Esporte
6.3 Eventos
6.4 Feriados
7 Referências
8 Ver também
9 Ligações externasHistória[editar | editar código-fonte]
Antecedentes[editar | editar código-fonte]
A região do Vale do Iguaçu, onde hoje está o município, foi inicialmente habitada por povos indígenas dos povos botocudos e caingangues. Por volta de 1726 ocorreram as primeiras expedições nesta região, e com a descoberta e ocupação dos Campos de Palmas, onde havia cabeças de gado. Para levar o gado de Palmas até a cidade de Palmeira, era necessário encurtar este caminho para levar as cabeças para serem comercializadas em forma de carne.[10]
Diante da vontade da população palmense de levar sua produção de gado para os grandes centros, o bandeirante curitibano Pedro de Siqueira Cortes, em 12 de abril de 1842, descobriu um vau sobre o Rio Iguaçu que permitia a passagem das tropas de gado, e que também servia como ponto de embarque e desembarque das cabeças.[10] Por causa deste vau, a distância enfim foi encurtada e em 1855, a localidade passou a se chamar Porto União da Vitória.Formação e progresso do município[editar | editar código-fonte]
O Coronel Amazonas de Araújo Marcondes ajudou no desenvolvimento de União da Vitória e tornou-se o primeiro prefeito
Em 1880 chega para fixar-se na localidade o Coronel Amazonas de Araújo Marcondes, oriundo de Palmas, que foi o responsável por trazer até esta região os primeiros imigrantes europeus, além de implantar a navegação a vapor no Rio Iguaçu, que levava as mercadorias e o gado produzido na região a outras localidades.[10]
No mesmo ano, com o crescente progresso econômico, União da Vitória foi elevada à categoria de Freguesia de acordo com a lei provincial nº 615 de 22 de abril de 1880. União da Vitória foi elevada à categoria de município, de acordo com a lei estadual n.º 54, de 27 de março de 1890, desmembrado de Palmas. O Coronel Amazonas foi o primeiro intendente municipal.[11]
Durante seu histórico de formação territorial, foram criados alguns distritos que, hoje, são municípios como Cruz Machado, Paula Freitas e Porto Vitória.[11]
Em 1905 os trilhos da Estrada de Ferro São Paulo Rio Grande cortaram a cidade, sendo inaugurada a primeira Estação Ferroviária. Com a nova estrada de ferro, a extração madeireira ganhou impulso e o número de serrarias instaladas no município aumentou significativamente.
Apesar do progresso que a ferrovia proporcionava a cidade, a região era surpreendida pelos conflitos causados pela Guerra do Contestado, entre paranaenses e catarinenses, pela posse de uma região rica na extração de erva-mate e madeira que abrangia o atual meio-oeste catarinense e o sul e sudoeste paranaense.
União da Vitória também estava inserida no meio desses conflitos, quando tornou-se capital provisória do Estado das Missões, cujo território era a zona do Contestado. A criação deste estado solucionaria a questão de limites entre os dois estados e evitar que esta região fosse anexada ao território catarinense. Pois o grande temor dos líderes do Paraná era de que essa região fosse esquecida pelos governantes catarinenses.[12]
Mas a ideia do novo Estado das Missões não vingou, e em 1916, com o acordo de limites entre os dois estados, a então Porto União da Vitória ficou dividida em duas, passando a parte pertencente ao Paraná a denominar-se União da Vitória, e a parte pertencente a Santa Catarina, Porto União, sendo que a linha férrea passou a dividir as duas cidades até hoje.Geografia[editar | editar código-fonte]
Localização[editar | editar código-fonte]
União da Vitória está localizada a 26°13'48" latitude sul e 51°05'11" longitude oeste, na região sul do estado do Paraná, no terceiro planalto paranaense, também chamado de Planalto de Guarapuava.[3] Limita-se ao norte com o município de Cruz Machado, ao sul com o estado de Santa Catarina, a oeste com Porto Vitória e Bituruna, e a leste com Paula Freitas e Paulo Frontin.[3]
A área do município é de 720Â km², representando 0,3612Â % do estado do Paraná, 0,1278Â % da Região Sul e 0,0085Â % de todo o território brasileiro.[13]
A cidade situa-se na bacia hidrográfica do Médio Iguaçu, tendo como rio principal, o rio Iguaçu, que corta a cidade num formato de "U" e separa o estado do Paraná de Santa Catarina abaixo da entrada da ponte Machado da Costa.Geomorfologia[editar | editar código-fonte]
União da vitória encontra-se no Terceiro Planalto Paranaense, sendo limitado pela Serra da Esperança na Escarpa Mesozoica com uma altitude média de 830 metros [13] tendo como ponto culminante o pico Tem Que Vê, que tem 1.300 metros de altitude. Cerca de 60% do território união-vitoriense é acidentado, 25% de terras onduladas e os outros 15% de terras levemente onduladas.[14]. Sendo que é inclinado para o oeste, descambando nas planícies das barrancas do rio Paraná. Já a parte que localiza-se na margem esquerda do Rio Iguaçu é pertencente ao Tropp de Santa Catarina, sendo que este tem uma formação idêntica ao do Terceiro Planalto. Somente uma pequena parte está situado a leste da Escarpa Mesozoica fazendo parte do Segundo Planalto Paranaense, sendo este relevo menos acidentado. Depósitos recentes nos vales do Rio Iguaçu, Vermelho, da Prata e dos banhados formam as planícies de várzeas, sendo no meio delas encontram-se os morros do Cristo e do Baú.
.[15]Solos[editar | editar código-fonte]
Os solos encontrados no município são eluviais e aluviais e possuem uma estrutura argilo-arenosa, sendo solos ácidos com pouca fertilidade contudo eles podem ser melhorados com a aplicação de corretivos e fertilizantes, mas devido a topografia ser bastante acidentada a atividade agrícola é restrita.[15] Cristo Sagrado Coração de Jesus de União da Vitória - PR
Hidrografia[editar | editar código-fonte]
União da Vitória é banhado pela bacia do rio Iguaçu, sendo que os afluentes destes na margem direita estão os rios Palmital, da Prata, dos banhados, Correntes, Guabiroba, Vermelho e do Soldado. Já na margem esquerda encontram-se o rio Jacu e os córregos da Areia, Lajeado, da Cachoeira, Barra Grande e Lajeadinho.
Nascendo na localidade de Palmital de Cima, na Serra da Esperança recebendo os afluentes do rio Vermelho, Santa Vitória, Louro, Córrego Fundo, Arrio do Corvo e Arroio do Abarracamento. nas Serra da Esperança também nasce o Rio da Prata recebendo ao longo do seu curso os rios São Joaquim, Bugre, Fartura, Bracatinga, Santo Antônio, Barreado, Arrozal, São Domingos, do Meio e Papua. O rio Vermelho nascendo na Serra da Esperança recebendo os arroios Faxinal, Serradão, Tanque e Taió.[15]Subdivisões[editar | editar código-fonte]
Ver também: Anexo:Lista de bairros de União da Vitória e Lista de bairros de União da Vitória
União da Vitória é constituída de três distritos administrativos: o distrito Sede, São Domingos e São Cristóvão, sendo este último pertencente a área urbana da cidade.Clima[editar | editar código-fonte]
O clima predominante na cidade segundo a classificação de Köppen é o Cfb, Clima subtropical úmido (mesotérmico), com média do mês mais quente superior a 22Â °C e do mês mais frio inferior a 18Â °C, sem estação seca definida. Os invernos são marcados por geadas severas e frequentes, com temperaturas mínimas que atingem marcas negativas.Em 2013 teve o fenômeno da neve.[16]Vegetação[editar | editar código-fonte]
A vegetação predominante da região é a floresta de araucária além da presença de florestas de imbuia e de árvores reflorestadas, como pinus e eucalipto. Pinheiro Paranaense (Araucária Angustifólia); Imbúia (Ocotea Porosa); Cedro Rosa (Cedrela Fissilis); Canela Guaicá (Ocotea Puberula); Canela Lageana (Ocotea Pulchella); Louro Pardo (Cordia Trichatoma); Sassafrás (Ocotea Pretiosa); Bracatinga (Mimosa Scabrella); Erva Mate (Ilex Paraguariensis); Guabiroba da Serra (Brittoa) são as principais espécies nativas da região.[15]Fauna[editar | editar código-fonte]
Com uma fauna rica e diversificada pode-se encontrar aves como o Pintassilgo, Azulão, Papagaio do Peito Roxo, Canário da Terra, Gralha Azul, Pica-Pau e Harpia, sendo que a última está em extinção. Já de Mamíferos é conhecido a Paca, Capivara, Veado Pardo, Irara (uma espécie de roedor), Raposa, Tatu, Gambá e Jaguatirica. Os peixes encontrados nos rios de União da Vitória são a Traíra, Lambari, Carpa, Tilápia, Corimba, Pintado e Bagre Africano.[15]Demografia[editar | editar código-fonte]
População[editar | editar código-fonte]Crescimento populacional deUnião da Vitória[17]
AnoPopulação
197029Â 750
198039Â 639
199144Â 008
200048Â 522
201052Â 735
2020?Segundo o último censo realizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em 2010, União da Vitória possui 52Â 735 habitantes, sendo o 32º município mais populoso do Paraná, e apresentando uma densidade populacional de 73,22 habitantes por km². Segundo o censo de 2010, 25Â 818 habitantes são homens e 26Â 917 habitantes são mulheres. De acordo o mesmo censo, 49Â 983 habitantes viviam na zona urbana e 2Â 752 na zona rural.Formação étnica[editar | editar código-fonte]
Influenciados pelo Coronel Amazonas, chegaram a região, por volta de 1881, a primeira leva de imigrantes alemães, vindos do Vale do Itajaí em Santa Catarina, que formaram pequenos núcleos de imigrantes. Após a chegada dos alemães, estabeleceram na cidade os imigrantes italianos, que se dedicaram a agricultura e a navegação; os poloneses, que se dedicaram a agricultura e ao cultivo da terra; os ucranianos, vindos da Galícia e da Bucovina, que trabalharam como lavradores e mantinham seus costumes, até hoje preservados e os sírio-libaneses que se dedicaram ao comércio, existente até os dias atuais. Todos esses imigrantes formam uma interessante diversidade cultural que ajudaram na formação do município.[10] Também se estabeleceram, em menor escala, migrantes vindos de outros estados, principalmente catarinenses e gaúchos, descendentes de europeus.Etnias
Branca91,1%
Parda6.2%
Negra1,6%
Amarela0,9%
Indigena0,2Economia[editar | editar código-fonte]
Segundo dados do IBGE de 2008, o produto interno bruto (PIB) de União da Vitória era de aproximadamente R$ 519Â 602,453 mil.[18] Desse total 519Â 602 mil
são de impostos sobre produtos líquidos de subsídios. O PIB per capita é de R$ 9Â 794,95.[18]Setor primário
A agricultura é o setor menos relevante da economia união-vitoriense. De todo o PIB municipal R$ 17Â 602 é o valor adicionado bruto da agropecuária.[18] Segundo o IBGE em 2008 o município possuía um rebanho de 10Â 000 bovinos, 900 equinos, 8Â 100 suínos, 220 caprinos, 150 bubalinos, 170 muares, 2Â 000 ovinos e 97Â 545 aves, dentre estas 38Â 000 galinhas e 59Â 545 galos, frangos e pintinhos.[19] Em 2009, o município produziu 1Â 339 mil litros de leite, de 140 mil dúzias de ovos de galinha, 3Â 000 quilos de lã e 55Â 000 quilos de mel-de-abelha.[19] Na lavoura temporária são produzidos principalmente o milho (1570 toneladas), a mandioca (8500 toneladas) e a soja (3600 toneladas).[20] No ano de 2006 existiam 830 estabelecimentos agropecuários que somavam no total 31517 hectares[21]Setor secundário
A indústria atualmente é o segundo setor mais relevante para a economia da cidade. R$ 111Â 544 do PIB municipal são do valor adicionado bruto da indústria (setor secundário).[18]Setor terciário
R$ 334Â 762 mil do PIB municipal são de prestações de serviços.[18] O setor terciário atualmente é a maior fonte geradora de todo o PIB municipal. De acordo com o IBGE, a cidade possuía no ano de 2009 2Â 201 unidades locais, 2Â 129 empresas atuantes e 24Â 636 trabalhadores, sendo 13Â 574 pessoal ocupado total e 11Â 062 ocupado assalariado. Salários juntamente com outras remunerações somavam R$ 140Â 505 e o salário médio mensal de todo município era de 2,2 salários mínimos.[22]Infraestrutura[editar | editar código-fonte]
Transportes[editar | editar código-fonte]
União da Vitória é cortada pela linha férrea que pertencia a Estrada de Ferro São Paulo Rio Grande, construída em 1905 que saia de Itararé, no estado de São Paulo e ia até Marcelino Ramos no Rio Grande do Sul. Esta linha que delimita a cidade e o estado do Paraná de Porto União e de Santa Catarina, chegou a ser desativada por um certo período, sendo a linha que cortava o distrito de São Cristóvão foi retirada; a linha que sai da Ponte Machado da Costa até a cidade catarinense de Matos Costa foi reativada.[23] Aeroporto Municipal de União da Vitória
A malha viária da cidade é composta por duas importantes rodovias federais, a BR-153 liga União da Vitória a nordeste com Paulo Frontin, Irati, Jacarezinho, Ourinhos, São José do Rio Preto, Goiânia, Anápolis, Gurupi e Araguaína, liga União da Vitória a sudoeste com General Carneiro, Concórdia, Erechim, Passo Fundo até a fronteira com o Uruguai e a BR-476 que liga União da Vitória a nordeste com Paula Freitas, São Mateus do Sul, Lapa, Contenda, Curitiba e o Vale do Ribeira. O município também tem acesso pela rodovias estaduais PR-447, que liga a noroeste até Cruz Machado e a PR-446 que liga a oeste com Porto Vitória e Bituruna.[24]
A cidade também possui um aeroporto, o Aeroporto José Cleto, situado no distrito de São Cristóvão, que teve sua pavimentação renovada em fevereiro de 2006 com investimentos de R$ 142 mil da Secretaria de Transportes do Paraná.[25]
O transporte coletivo da cidade é operado pela empresa Viação Piedade, que desde março de 2003[26] é responsável pelo transporte de passageiros no perímetro urbano e área rural de União da Vitória, tendo como destino final, o terminal urbano localizado na Praça Visconde de Nácar em frente a Estação Ferroviária na região central da cidade.
A frota municipal de União da Vitória em 2009, é composta por 13.469 automóveis, 3.791 motocicletas, 1.828 caminhonetes, 1.245 caminhões, 999 motonetas, 200 caminhões trator, 62 ônibus, 40 micro-ônibus e 1 trator.[27]Educação[editar | editar código-fonte]
Em União da Vitória existem várias escolas distribuídas nas mais diversas partes do município. Segundo último levantamento feito em 2009, existem no município 12.538 matrículas, 773 docentes e 86 escolas nas redes públicas e particulares[28], além de um Campus do Instituto Federal do Paraná.
União da Vitória também é considerada uma cidade universitária, onde estão três importantes instituições de ensino superior que oferecem cursos de graduação e pós-graduação, atraindo estudantes de outras regiões paranaenses.[29] As seguintes instituições são a Faculdade Estadual de Filosofia, Ciências e Letras (FAFIUV), atualmente campus da Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR), o Centro Universitário de União da Vitória (UNIUV) e as Faculdades Integradas do Vale do Iguaçu (UNIGUAÇU), além do núcleo universitário da Universidade do Contestado (UNC) em Porto União.
Educação de União da Vitória em números[28]
NívelMatrículasDocentesEscolas (total)
Ensino pré-escolar1.1907828
Ensino fundamental9.01147543
Ensino médio2.33722015
Saúde[editar | editar código-fonte]
Segundo último levantamento feito pelo IBGE, o município contava com 233 leitos hospitalares, além de 47 estabelecimentos de saúde, sendo 25 deles privados e 22 públicos entre hospitais, pronto socorros, postos de saúde e serviços odontológicos.[30] Em União da Vitória existem dois hospitais, sendo ambos filantrópicos.[31]
Segundo levantamento feito em 2009 pelo Sistema Único de Saúde, União da Vitória contava com 55 auxiliares de enfermagem, 135 clínicos gerais, 31 enfermeiros, 51 genico obstetras, 21 pediatras, entre outras categorias que totalizam 403 profissionais de saúde.[31]Serviços e comunicações[editar | editar código-fonte]
O serviço de coleta de esgoto e de abastecimento de água de toda a cidade é feito pela Companhia de Saneamento do Paraná (SANEPAR), onde grande parte da água consumida na cidade, e também em Porto União, é oriunda do Rio Iguaçu e de pequenos reservatórios subterrâneos e mananciais.[32] Grande parte da cidade é atendida pela rede de distribuição de energia elétrica feita pela Companhia Paranaense de Energia (COPEL).
Ainda há serviços de internet discada e banda larga (ADSL) sendo oferecidos por diversos provedores de acesso gratuitos e mediante pagamento. O serviço telefônico móvel, por telefone celular, é oferecido por diversas operadoras. O código de área (DDD) de União da Vitória é o 042[33] e o Código de Endereçamento Postal (CEP) da cidade é o 84600-000 em todas as ruas.[34]
O município também conta com jornais em circulação. São os principais o Jornal O Comércio (83 anos), Jornal Caiçara, A Cidade e Jornal O Iguassú. Também existem rádios, sendo as principais a Verde Vale FM (94.1), a Top FM (98.3 FM) [35] a Rádio União (1070 AM) e a Rádio Educadora (1480 AM).[36] A cidade também possui uma emissora de televisão, a TV Milenium, afiliada a TV Brasil e possui uma sucursal da RPC TV de Guarapuava, emissora afiliada à Rede Globo no estado do Paraná.[37]Cultura e Lazer[editar | editar código-fonte]
Turismo[editar | editar código-fonte]
O município é bem servido de atrações turísticas, tanto na área urbana, quanto na área rural do município.
Alguns dos principais pontos turísticos de União da Vitória são: Monumento Sagrado Coração de JesusImagem do Sagrado Coração de Jesus: A grande estátua de 27 metros de altura, que representa a imagem do Sagrado Coração de Jesus, padroeiro da cidade, está localizada a 928 metros de altitude. Inaugurada em 1968, tem uma escadaria de acesso de 224 degraus, que leva até o topo. A imagem, fixada num pedestal de 6 metros com uma pequena capela em seu interior, é considerada a segunda maior do Brasil, atrás apenas do Cristo Redentor, no Rio de Janeiro.[38]
Estação Ferroviária: Foi construída em 1942, com os dois lados iguais tanto para União da Vitória quanto para Porto União, onde os trens faziam uma parada única, nas duas cidades de uma vez só, a fim de substituir as duas estações que ficavam cada uma em uma cidade. Hoje, a estação do lado união-vitoriense pertence a Secretaria Municipal da Cultura.[23]
Maria Fumaça 310: Concebida nos Estados Unidos em 1913, sob o pseudônimo de 310, a Maria Fumaça ficou instalada na Praça Visconde de Nácar da década de 1970 até meados de 2005[38], quando foi restaurada pela Associação dos Amigos do Trem de União da Vitória e Porto União, que utilizaram-se dos investimentos dados pelo Ministério do Turismo para pôr a locomotiva novamente nos trilhos.[39] Hoje, são feitos diversos passeios de trem, saindo de União da Vitória até a estação de Engenheiro Mello, na cidade catarinense de Matos Costa.
Catedral Sagrado Coração de Jesus: Situada de frente a Praça Coronel Amazonas, no Centro, teve sua pedra fundamental lançada em 20 de maio de 1917 e sua fundação aconteceu em 20 de setembro daquele mesmo ano. Sua construção foi motivada pela perda da primeira igreja para o território catarinense, ganhando um significado político-histórico.[40]
Ponte dos Arcos: Localizada sobre o Rio Iguaçu, foi inaugurada em 1944, recebendo o nome do então governador do estado, Manoel Ribas. Foi a primeira ponte rodoviária da cidade, e hoje é um dos principais acessos até a área central, com tráfego nos dois sentidos da ponte.[40]
Ponte Machado da Costa: Inaugurada em 1906, foi a primeira ponte efetiva do município, de onde passavam os trens que atravessavam a cidade. A ponte tem um importante significado histórico para a cidade, servindo atualmente de acesso do Centro para o distrito de São Cristóvão, na margem oposta do Rio Iguaçu, tendo tráfego para ciclistas e pedestres.[40] A área onde havia a linha férrea deu lugar a um acesso para veículos.
Igreja Ucraniana São Basílio Magno: Construída em 1902, possui uma arquitetura de estilo bizantino com figuras sacras pintadas a óleo. Possui uma arquitetura que mantém uma arquitetura característica do Leste Europeu, de onde vieram os imigrantes eslavos que chegaram a região.[38]
Parque Histórico Iguassu: Localiza-se a 29Â km do Centro da cidade. É um parque que conta as origens da ocupação da região sul do Paraná, com a recriação de ambientes dos índios caingangues que habitavam a região, dos caboclos e dos imigrantes. Também são realizados passeios de barco sob o lago da usina de Foz do Areia.[41]
Rota das Cachoeiras: Trata-se de um roteiro turístico pelas cachoeiras existentes no interior do município, através de um barco. São mais de 60 quedas d?água cada uma com uma beleza ímpar. O Parque Histórico Iguassu, também se inclui neste roteiro, proporcionando uma harmonia entre história e natureza.[42]
Monumento ao Centenário: Situada na entrada da cidade pela BR-476, foi inaugurada para comemorar o centenário de emancipação política da cidade, em 27 de março de 1990. O monumento de 12 metros de altura, idealizado pelo arquiteto Ivahy Detlev Will, faz uma homenagem aos pioneiros que chegaram a cidade, além dos pinheirais e as boiadas que atravessaram o Rio Iguaçu.[40]
Igreja Nossa Senhora dos Navegantes: Localizada no bairro Navegantes, esta igreja em formato de uma embarcação homenageia os navegantes do Rio Iguaçu.[38]
Praça do Contestado : Inaugurada em 22 de setembro de 2012, a praça situa-se exatamente na divisa entre Paraná e Santa Catarina, sendo a única praça brasileira a ser erguida numa divisa entre estados. A praça possui um importante papel histórico tanto para União da Vitória quanto para Porto União, já que ambas as cidades estiveram no centro da Guerra do Contestado. Na praça há uma estátua de bronze do Monge João Maria, um chafariz luminoso, um monumento em homenagem aos ferroviários e um mosaico localizado exatamente na divisa entre Paraná e Santa Catarina.[43] O projeto da praça foi idealizado pelos arquitetos Eliziane Capeleti e Murilo Passos.[44]
Esporte[editar | editar código-fonte]
Assim como na maioria das cidades do país o esporte mais conhecido e praticado no município é o futebol. O principal clube de futebol no município é a Associação Atlética Iguaçu, que foi fundada em 15 de agosto de 1971,[45]. A equipe manda seus jogos no Estádio Municipal Antiocho Pereira, o principal estádio da cidade, que conta com uma capacidade de aproximadamente 12.000 pessoas. No passado, também havia o Palestra Itália de União da Vitória, que jogou no Campeonato Paranaense de Futebol de 1932 e 1933[46], o Agex/Iguaçu [47] e o União[48].
Existe ainda a prática de outros esportes na cidade, especialmente o futebol de salão, basquete, motociclismo, vôlei, que são praticados em vários locais da cidade. O skate é considerado muito importante também.Eventos[editar | editar código-fonte]
Vários são os eventos que acontecem anualmente em União da Vitória, e que atraem os habitantes da cidade e turistas de outras localidades:Festa de Aniversário da Cidade: Realizado todo dia 27 de março na Praça Coronel Amazonas, com o corte do bolo de aniversário com uma metragem que condiz com a idade em que o município completa. Há ainda apresentações de dança, música, teatro, exposição de fotos históricas da cidade, entre outras atividades realizadas na praça.[49]
Festa Nacional da Costela: Evento realizado todo ano no mês setembro, é uma festa que resgata a cultura sulista aliada a preparação da costela assada em fogo de chão. Há ainda shows, atrações artísticas, atrações infantis, praça de alimentação.[49]
Festa de São Cristóvão: Festa anual em louvor a São Cristóvão, padroeiro dos motoristas, com bênção de veículos, almoço, bingo, entre outras atrações. Realizada em meados de julho na Paróquia Nossa Senhora da Salette, no bairro que leva o nome da paróquia.[49]
Feriados[editar | editar código-fonte]
Em União da Vitória, há dois feriados municipais, definidos pela Lei nº 1.729 de 1991. Os feriados municipais são: o dia do padroeiro Sagrado Coração de Jesus e do aniversário da cidade, em 27 de março.[50]Referências? Santin Roveda é empossado prefeito de União da Vitória Portal Massa News - acessado em 17 de setembro de 2018? a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008Â ? a b c Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico e Social (IPARDES). «Caderno Estatístico - Município de União da Vitória». Consultado em 4 de julho de 2011Â ? a b maps.google.com.br. «Google Maps - Distâncias entre Cidades». Consultado em 4 de julho de 2011Â ? IBGE (10 de outubro de 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010Â ? a b «Estimativa populacional 2018 IBGE». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de agosto de 2018. Consultado em 16 de setembro de 2018Â ? «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008Â ? a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010Â ? União da Vitória (PR) e Porto União (SC) são cidades conhecidas como as Gêmeas do Iguaçu Diário Catarinense - acessado em 6 de julho de 2015? a b c d Prefeitura Municipal de União da Vitória. «Histórico do Município». Consultado em 23 de Abril de 2018Â ? a b Instituto Brasileiro de geografia e Estatística (IBGE). «União da Vitória - Histórico» (PDF). Consultado em 4 de julho de 2011Â ? Portal O Alvo. «Estado das Missões». Consultado em 4 de julho de 2011Â ? a b Confederação Nacional dos Municípios (CNM). «Dados Gerais». Consultado em 14 de julho de 2011Â ? Prefeitura Municipal de União da Vitória. «Dados Gerais». Consultado em 14 de julho de 2011Â ? a b c d e Dados Gerais - Portal do Município de União da Vitória Site Prefeitura União da Vitória - acessado em 16 de setembro de 2018? Secretaria Estadual de Agricultura e Abastecimento do Paraná (SEAB). «Agrometerologia» (PDF). Consultado em 4 de julho de 2011Â ? Confederacão Nacional dos Municípios (CNM). «Demografia - População Total». Consultado em 5 de julho de 2011Â ? a b c d e Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). «IBGE - Cidades@». Consultado em 14 de julho de 2011Â ? a b Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). «IBGE - Cidades@». Consultado em 15 de julho de 2011Â ? Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). «IBGE - Cidades@». Consultado em 15 de julho de 2011Â ? Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). «IBGE - Cidades@». Consultado em 15 de julho de 2011Â ? Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). «IBGE - Cidades@». Consultado em 14 de julho de 2011Â ? a b Estações Ferroviárias do Brasil. «Porto União - Estações Ferroviárias do Paraná». Consultado em 5 de julho de 2011Â ? DNIT. «Mapas Rodoviários das Unidades da Federação». Consultado em 5 de julho de 2011. Arquivado do original em 21 de junho de 2014Â ? Paraná-Online. «Aeroporto de União da Vitória está com nova pavimentação». Consultado em 5 de julho de 2011Â ? O Estado do Paraná. «Empresa apresenta nova frota de coletivos urbanos». Consultado em 5 de julho de 2011Â ? Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). «IBGE - Cidades@». Consultado em 5 de julho de 2011Â ? a b Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). «Ensino, matrículas, docentes e rede escolar - 2009». Consultado em 7 de julho de 2011Â ? Faculdades Integradas do Vale do Iguaçu - UNIGUAÇU. «A distância não é motivo para acadêmicos deixarem de estudar na Faculdade». Consultado em 7 de julho de 2011Â ? Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). «IBGE - Cidades@». Consultado em 7 de julho de 2011Â ? a b DATASUS. «Caderno de Informações de Saúde - Informações Gerais» (xls). Consultado em 10 de julho de 2011Â ? Projeto Águas do Amanhã. «Reportagem chega à região do Médio Iguaçu». Consultado em 7 de julho de 2011Â ? Guiatel. «Paraná». Consultado em 7 de julho de 2011Â ? Correios. «CEP de cidades brasileiras». Consultado em 7 de julho de 2011Â ? Tudo Rádio.com. «Dial - União da Vitória». Consultado em 7 de julho de 2011Â ? Rádios. «Relação de rádios AM do Brasil». Consultado em 7 de julho de 2011Â ? Prefeitura Municipal de União da Vitória. «RPC TV instala sucursal em União da Vitória». Consultado em 7 de julho de 2011Â ? a b c d Turismo Porto União da Vitória. «Atrativos Históricos». Consultado em 7 de julho de 2011Â ? Paraná-Online. «Maria Fumaça vai ser restaurada em União da Vitória». Consultado em 8 de julho de 2011Â ? a b c d Caminhos do Iguassu. «Pontos Turísticos». Consultado em 9 de julho de 2011Â ? Turismo Porto União da Vitória. «Parque Histórico Iguassu - Outros Atrativos». Consultado em 9 de julho de 2011Â ? Turismo Porto União da Vitória. «Roteiros». Consultado em 9 de julho de 2011Â ? Portal V-Vale. «Inauguração da Praça do Contestado». Consultado em 10 de janeiro de 2013Â ? Portal JMais. «Praça do Contestado». Consultado em 10 de janeiro de 2013Â ? Jornal Caiçara. «A. A. Iguaçu: 40 anos». Consultado em 10 de julho de 2011Â ? Clubes no PR 1933 RSSSF Brasil? Tabela 2013 RSSSF Brasil? Tabela 1994 RSSSF Brasil? a b c Terra dos Pinheirais. «União da Vitória - Calendário de Eventos». Consultado em 16 de julho de 2011Â ? Justiça Federal do Paraná. «JFPR - Calendário de Feriados». Consultado em 10 de julho de 2011Â
Ver também[editar | editar código-fonte]
Diocese de União da Vitória
Paranaenses de União da Vitória
Lista de municípios do Paraná
Lista de municípios do Brasil
Ligações externas[editar | editar código-fonte]Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Definições no Wikcionário
Textos originais no Wikisource
Imagens e media no Commons
Categoria no Commons
Commons
Commons
Wikisource
WikcionárioPrefeitura de União da Vitória (em português)
Câmara Municipal de União da Vitória (em português)
Mapas
União da Vitória no WikiMapia (em português)
União da Vitória no Google Maps (em português)
vde Hierarquia urbana do Brasil
Demografia do Brasil
Municípios do Brasil
vdeMetrópolesMetrópoles globais
São Paulo
Metrópoles nacionais
Brasília
Rio de Janeiro
Metrópoles regionais
Belém
Belo Horizonte
Curitiba
Fortaleza
Goiânia
Manaus
Porto Alegre
Recife
Salvador
vdeCapitais regionaisCapitais regionais A
Aracaju
Campinas
Campo Grande
Cuiabá
Florianópolis
João Pessoa
Maceió
Natal
São Luís
Teresina
Vitória
Capitais regionais B
Blumenau
Campina Grande
Cascavel
Caxias do Sul
Chapecó
Feira de Santana
Ilhéus/Itabuna
Joinville
Juiz de Fora
Londrina
Maringá
Ribeirão Preto
São José do Rio Preto
Uberlândia
Montes Claros
Palmas
Passo Fundo
Porto Velho
Santa Maria
Vitória da Conquista
Capitais regionais C
Araçatuba
Araguaína
Arapiraca
Araraquara
Barreiras
Bauru
Boa Vista
Cachoeiro de Itapemirim
Campos dos Goytacazes
Caruaru
Criciúma
Divinópolis
Dourados
Governador Valadares
Ijuí
Imperatriz
Ipatinga/Coronel Fabriciano/Timóteo
Juazeiro do Norte/Crato/Barbalha
Macapá
Marabá
Marília
Mossoró
Novo Hamburgo/São Leopoldo
Pelotas/Rio Grande
Petrolina/Juazeiro
Piracicaba
Ponta Grossa
Pouso Alegre
Presidente Prudente
Rio Branco
Santarém
Santos
São José dos Campos
Sobral
Sorocaba
Teófilo Otoni
Uberaba
Varginha
Volta Redonda/Barra Mansa
vdeCentros sub-regionaisCentros sub-regionais A
Alfenas
Anápolis
Apucarana
Bacabal
Bagé
Barbacena
Barra do Garças
Barretos
Bento Gonçalves
Botucatu
Cabo Frio
Caçador
Cáceres
Caicó
Cajazeiras
Campo Mourão
Castanhal
Catanduva
Caxias
Colatina
Crateús
Erechim
Floriano
Foz do Iguaçu
Franca
Francisco Beltrão
Garanhuns
Guanambi
Guarabira
Guarapuava
Iguatu
Irecê
Itajaí
Itaperuna
Itumbiara
Jacobina
Jaú
Jequié
Ji-Paraná
Joaçaba
Lages
Lajeado
Lavras
Limeira
Macaé
Manhuaçu
Muriaé
Nova Friburgo
Ourinhos
Paranaguá
Paranavaí
Parnaíba
Passos
Pato Branco
Patos
Patos de Minas
Pau dos Ferros
Paulo Afonso
Picos
Pinheiro
Poços de Caldas
Ponte Nova
Quixadá
Redenção
Rio Claro
Rio do Sul
Rio Verde
Rondonópolis
Santa Cruz do Sul
Santa Inês
Santa Rosa
Santo Ângelo
Santo Antônio de Jesus
São Carlos
São João da Boa Vista
São Mateus
Serra Talhada
Sinop
Sousa
Teixeira de Freitas
Toledo
Tubarão
Ubá
Umuarama
Uruguaiana
Centros sub-regionais B
Abaetetuba
Assu
Afogados da Ingazeira
Alagoinhas
Altamira
Andradina
Angra dos Reis
Araranguá
Araras
Araripina
Arcoverde
Ariquemes
Assis
Avaré
Balneário Camboriú
Balsas
Bom Jesus da Lapa
Bragança
Bragança Paulista
Breves
Brumado
Brusque
Cacoal
Cametá
Campo Maior
Capanema
Caratinga
Carazinho
Cataguases
Chapadinha
Cianorte
Concórdia
Conselheiro Lafaiete
Cruz Alta
Cruz das Almas
Cruzeiro do Sul
Currais Novos
Eunápolis
Frederico Westphalen
Guaratinguetá
Gurupi
Itabaiana
Itaberaba
Itaituba
Itajubá
Itapetininga
Itapeva
Itapipoca
Itaporanga
Ituiutaba
Ivaiporã
Janaúba
Linhares
Mafra
Palmares
Paragominas
Parintins
Pedreiras
Presidente Dutra
Registro
Resende
Ribeira do Pombal
Santana do Ipanema
Santo Antônio da Platina
São João del-Rei
São Lourenço
São Miguel do Oeste
São Raimundo Nonato
Senhor do Bonfim
Tefé
Teresópolis
Tucuruí
União da Vitória
Valença
Viçosa
Videira
Vilhena
Vitória de Santo Antão
Xanxerê
vdeCentros de zonaCentros de zona A
Acaraú
Açailândia
Adamantina
Além Paraíba
Almeirim
Almenara
Alta Floresta
Amparo
Aquidauana
Aracati
Aracruz
Araçuaí
Arapongas
Araxá
Assis Chateubriand
Barra do Corda
Barreiros
Bebedouro
Belo Jardim
Birigui
Bom Jesus
Caçapava do Sul
Cachoeira do Sul
Caetité
Caldas Novas
Camacan
Camaquã
Campo Belo
Campos Novos
Canindé
Canoinhas
Capelinha
Carangola
Carpina
Catalão
Catolé do Rocha
Caxambu
Ceres
Cerro Largo
Codó
Colinas do Tocantins
Conceição do Araguaia
Conceição do Coité
Cornélio Procópio
Corumbá
Corrente
Cruzeiro
Curitibanos
Cururupu
Curvelo
Diamantina
Diamantino
Dianópolis
Dois Vizinhos
Dracena
Encantado
Esperantina
Estância
Estrela
Fernandópolis
Formiga
Frutal
Governador Nunes Freire
Goiana
Goiás
Guanhães
Guaporé
Guaraí
Guaxupé
Ibaiti
Ibirubá
Icó
Imbituba
Ipiaú
Iporá
Irati
Itabaiana
Itabira
Itacoatiara
Itamaraju
Itapetinga
Ituverava
Jacarezinho
Jales
Jandaia do Sul
Januária
Jaru
Jataí
João Câmara
João Monlevade
Juína
Jundiaí
Lagarto
Lagoa Vermelha
Laranjeiras do Sul
Limoeiro
Limoeiro do Norte
Lins
Loanda
Macau
Macaúbas
Mamanguape
Marau
Maravilha
Marechal Cândido Rondon
Medianeira
Mineiros
Mirassol d'Oeste
Mogi Guaçu
Monteiro
Montenegro
Morrinhos
Mundo Novo
Naviraí
Nossa Senhora da Glória
Nova Andradina
Nova Prata
Nova Venécia
Oeiras
Olímpia
Osório
Ouricuri
Palmas
Palmeira das Missões
Palmeira dos Índios
Pará de Minas
Paraíso do Tocantins
Parauapebas
Patrocínio
Penápolis
Penedo
Pesqueira
Pinhalzinho
Pirapora
Pires do Rio
Piripiri
Pombal
Ponta Porã
Porangatu
Porto Nacional
Porto Seguro
Primavera do Leste
Propriá
Quirinópolis
Rolim de Moura
Russas
Salgueiro
Salinas
Santa Fé do Sul
Santa Inês
Santa Maria da Vitória
Santo Antônio de Pádua
Santiago
São Bento do Sul
São Borja
São Félix do Araguaia
São Gabriel
São Jerônimo
São José do Rio Pardo
São Luís de Montes Belos
São Luiz Gonzaga
São Miguel dos Campos
Sarandi
Seabra
Serrinha
Soledade
Sorriso
Surubim
Tabatinga
Taquara
Tatuí
Telêmaco Borba
Tijucas
Timbaúba
Timbó
Tocantinópolis
Torres
Três Corações
Três de Maio
Três Lagoas
Três Passos
Três Rios
Tupã
Unaí
União dos Palmares
Uruaçu
Vacaria
Venâncio Aires
Votuporanga
Xique-Xique
Centros de zona B
Abaeté
Abelardo Luz
Abre Campo
Afonso Cláudio
Água Boa
Água Branca
Águas Formosas
Aimorés
Alegrete
Alexandria
Alto Araguaia
Alto Longá
Alto Parnaíba
Amambai
Amarante
Amargosa
Andirá
Andradas
Anicuns
Anísio de Abreu
Aparecida
Apiaí
Apodi
Araguaçu
Araguari
Araguatins
Araioses
Araputanga
Arara
Araruama
Araruna
Arcos
Arinos
Arroio do Meio
Arvorezinha
Auriflama
Avelino Lopes
Baependi
Bambuí
Bariri
Barra
Barra Bonita
Barra de São Francisco
Barra do Bugres
Barras
Barracão
Bataguassu
Batalha
Bela Vista
Belém do São Francisco
Bicas
Boa Esperança
Boa Vista do Buricá
Bom Jardim de Minas
Bom Jesus do Itabapoana
Boquira
Braço do Norte
Brasileia
Brejo Santo
Buritis
Caculé
Camapuã
Cambuí
Camocim
Campina da Lagoa
Campo Novo do Parecis
Campos Altos
Campos Belos
Canguaretama
Canindé de São Francisco
Canto do Buriti
Capanema
Capão da Canoa
Capim Grosso
Capinzal
Capitão Poço
Capivari
Caracol
Carauari
Carmo do Paranaíba
Carutapera
Casca
Cassilândia
Castelo
Castelo do Piauí
Cerejeiras
Chapadão do Sul
Chopinzinho
Cícero Dantas
Coelho Neto
Colíder
Colinas
Coluna
Comodoro
Confresa
Congonhas
Constantina
Coronel Vivida
Coxim
Cristal do Sul
Crixás
Cruz
Cruzília
Curimatá
Delmiro Gouveia
Desterro
Dores do Indaiá
Entre Rios de Minas
Esperantinópolis
Espírito Santo do Pinhal
Espumoso
Euclides da Cunha
Eirunepé
Extrema
Fátima
Faxinal
Floresta
Fortaleza dos Nogueiras
Fronteiras
Gandu
Garça
Garibaldi
General Salgado
Getúlio Vargas
Gilbués
Goianésia
Goiatuba
Goioerê
Grajaú
Guaíra
Guajará-Mirim
Guaraciaba do Norte
Guararapes
Horizontina
Ibicaraí
Ibirama
Ibotirama
Ilha Solteira
Indaial
Inhumas
Ipanema
Ipu
Iracema
Itaberaí
Itacarambi
Itamonte
Itaocara
Itapaci
Itapajé
Itapiranga
Itápolis
Itapuranga
Itaqui
Itararé
Itaúna
Ituporanga
Iturama
Jaciara
Jacutinga
Jaguaquara
Jaguariaíva
Jaguaribe
Jaicós
Jardim
Joaíma
João Pinheiro
Juara
Jussara
Lábrea
Lago da Pedra
Lagoa da Prata
Lambari
Leme
Leopoldina
Livramento de Nossa Senhora
Lorena
Lucas do Rio Verde
Lucélia
Luzilândia
Machado
Malacacheta
Manga
Mantena
Maracaçumé
Matão
Matinhos
Miranda
Miracema do Tocantins
Mirinzal
Mococa
Monte Alegre
Monte Alto
Monte Aprazível
Monte Carmelo
Mostardas
Muçum
Nanuque
Natividade
Nazaré
Neópolis
Niquelândia
Nonoai
Nossa Senhora das Dores
Nova Londrina
Nova Mutum
Nova Petrópolis
Oliveira
Orlândia
Osvaldo Cruz
Olho d'Água das Flores
Ouro Fino
Ouro Preto do Oeste
Palmeira
Palmeira d'Oeste
Palmeirópolis
Pão de Açúcar
Paracatu
Paraguaçu Paulista
Paraisópolis
Paramirim
Paranacity
Paranaíba
Parelhas
Passa-e-Fica
Patu
Paulistana
Peçanha
Pedra Azul
Pedro II
Pedro Afonso
Peixoto de Azevedo
Piancó
Pinheiro Machado
Pio XII
Piraju
Piracuruca
Pitanga
Pitangui
Piumhi
Poções
Ponte Serrada
Pontes e Lacerda
Porteirinha
Porto Calvo
Porto União
Posse
Presidente Epitácio
Presidente Getúlio
Presidente Juscelino
Presidente Venceslau
Princesa Isabel
Prudentópolis
Quatis
Quedas do Iguaçu
Rancharia
Resplendor
Riachão do Jacuípe
Rio Bonito
Rio Negro
Rio Pomba
Rio Real
Rodeio Bonito
Roncador
Rubiataba
Salto do Jacuí
Salvador do Sul
Sananduva
Sanclerlândia
Santa Bárbara
Santa Cruz
Santa Cruz da Baixa Verde
Santa Cruz do Rio Pardo
Santa Filomena
Santa Helena
Santa Luzia
Santa Luzia do Paruá
Santa Maria do Suaçuí
Santa Vitória do Palmar
Santana
Santana do Livramento
Santo Antônio
Santo Antônio da Patrulha
Santo Augusto
Santos Dumont
São Bento (Maranhão)
São Bento (Paraíba)
São Benedito
São Domingos
São Francisco
São Gabriel da Palha
São Gotardo
São João Batista
São João do Ivaí
São João do Piauí
São João dos Patos
São João Nepomuceno
São Joaquim da Barra
São José do Cedro
São José do Egito
São João do Rio do Peixe
São João Evangelista
São José do Cedro
São Lourenço do Oeste
São Mateus do Sul
São Miguel
São Miguel do Araguaia
São Miguel do Tapuio
São Paulo do Potengi
São Sebastião
São Sebastião do Caí
São Valentim
São Vicente Férrer
Sapé
Seara
Sena Madureira
Senador Pompeu
Serafina Corrêa
Serra Dourada
Serro
Simões
Simplício Mendes
Sinimbu
Siqueira Campos
Sobradinho
Sombrio
Sumé
Tabira
Taguatinga
Taió
Taiobeiras
Tangará
Tapejara
Tapes
Taquaritinga
Tarauacá
Tauá
Tenente Portela
Terra Nova do Norte
Teutônia
Tietê
Tramandaí
Três Pontas
Tucumã
Tucunduva
Turmalina
Tutóia
Uiraúna
Umarizal
União
Uruçuí
Valença
Valença do Piauí
Valente
Várzea da Palma
Vazante
Venda Nova do Imigrante
Veranópolis
Viana
Vigia
Vila Rica
Virginópolis
Visconde do Rio Branco
Vitorino Freire
Xaxim
Xinguara
Wenceslau Braz
Zé Doca
Referências: Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Regiões de Influência das Cidades 2007 (10 de outubro de 2008), [1] Configuração da Rede Urbana do Brasil (junho de 2001)
Portal do Brasil Portal do Paraná
Controle de autoridade
: Q988869
WorldCat
VIAF: 140729647
LCCN: n81081249
OSM: 297762
WOEID: 454508
GeoNames: 3445746

POSTAGENS RELACIONADOS


DESENVOLVIMENTO DE LOJA VIRTUAL EM UNIÃO DE MINAS


desenvolvimento de loja virtual em União de Minas

Encontre desenvolvimento de loja virtual em União de Minas na Web4business - Desenvolvimento de Sistemas e Sites Personalizados.

LER ARTIGO

DESENVOLVIMENTO DE LOJA VIRTUAL EM UNIÃO DO OESTE


desenvolvimento de loja virtual em União do Oeste

Encontre desenvolvimento de loja virtual em União do Oeste na Web4business - Desenvolvimento de Sistemas e Sites Personalizados.

LER ARTIGO

DESENVOLVIMENTO DE LOJA VIRTUAL EM UNIÃO DO SUL


desenvolvimento de loja virtual em União do Sul

Encontre desenvolvimento de loja virtual em União do Sul na Web4business - Desenvolvimento de Sistemas e Sites Personalizados.

LER ARTIGO

DESENVOLVIMENTO DE LOJA VIRTUAL EM UNIÃO DOS PALMARES


desenvolvimento de loja virtual em União dos Palmares

Encontre desenvolvimento de loja virtual em União dos Palmares na Web4business - Desenvolvimento de Sistemas e Sites Personalizados.

LER ARTIGO