desenvolvimento asp em Quitandinha

Encontre desenvolvimento asp em Quitandinha na Web4business - Desenvolvimento de Sistemas e Sites Personalizados.

Desenvolvimento

Acto ou efeito de desenvolver.
Crescimento.
Ampliação.
Minuciosidade.


Quitandinha

Nota: Para outros significados, veja Quitandinha (desambiguação).Município de Quitandinha
Vista do Rio da VárzeaBandeiraBrasãoHino
Aniversário13 de junho
Fundação13 de junho de 1961 (58 anos)
Gentílicoquitandinense ou quitandinhense
LemaCrescendo com amor e trabalho
Prefeito(a)Maria Julia Socek Wojcik (PSDB)(2017 – 2020)
Localização
Localização de Quitandinha no ParanáQuitandinha Localização de Quitandinha no Brasil
25° 52' 19" S 49° 29' 52" O25° 52' 19" S 49° 29' 52" O
Unidade federativaParaná
MesorregiãoMetropolitana de Curitiba IBGE/2008[1]
MicrorregiãoRio Negro IBGE/2008[1]
Região metropolitanaCuritiba
Municípios limítrofesLapa, Contenda, Mandirituba, Agudos do Sul, Campo do Tenente e Piên e Araucaria
Distância até a capital67[2] km
Características geográficas
Área447,023 km² [3]
População17 088 hab. Censo IBGE/2010[4]
Densidade38,23 hab./km²
Altitude845 m
ClimaSubtropical Cfb
Fuso horárioUTC?3
Indicadores
IDH-M0,715 alto PNUD/2000[5]
PIBR$ 127 823,507 mil IBGE/2008[6]
PIB per capitaR$ 7 748,29 IBGE/2008[6]Quitandinha é um município brasileiro do estado do Paraná. Município pertencente à Região Metropolitana de Curitiba, localizado a sudeste do estado, é predominantemente agrícola, encontra-se situado na bacia hidrográfica do rio Iguaçu. Foi desmembrado de Rio Negro e Contenda e instalado em 13 de junho de 1961 através da Lei Estadual nº 037. Índice1 Etimologia
2 História
3 Transporte
4 Referências
5 Ligações externasEtimologia[editar | editar código-fonte]
Homenagem ao Hotel Quitandinha, da cidade do Rio de Janeiro.[7] O fato deve-se a uma viagem feita ao Rio de Janeiro,[7] por antigos proprietários do primeiro restaurante existente na povoação,[7] localizado às margens da BR-116,[7] que nesta ocasião foram hospedados no Hotel Quitandinha.[7] O requinte do hotel encantou aquelas pessoas,[7] que resolveram batizar seu estabelecimento comercial de Restaurante Quitandinha,[7] surgindo desta forma a atual denominação, que suplantou a antiga Areia Branca.[7]História[editar | editar código-fonte]
A movimentação do torrão quitandinhense é antiga,[8] pois nessa região, antes mesmo que o homem branco pisasse a terra, habitava o gentio Botocudo, que pertencia ao grupo Jê e era tido como o mais temerário povo indígena ao tempo das primeiras entradas aos Campos de Curitiba e na mesopotâmia Iguaçu-Rio Negro.[8] Esta nação foi totalmente extinta, e quase nada sobrou para que se possa falar alguma coisa a respeito.[8]
A região passou a ser a mais frequentada a partir da abertura da Estrada da Mata,[8] e principalmente a partir da fundação dos povoados de Capão Alto (Lapa) e Capela de Rio Negro.[8] Com a consolidação desses núcleos como municípios emancipados, o progresso irradiou-se por todos os quadrantes e a região começou a se formar.[8]
Areia Branca foi o primeiro nome do lugar, e como ficou conhecido por muitos anos.[8] Por estar localizado às margens da rodovia federal BR-116, ao longo do tempo foi recebendo forte fluxo migratório,[8] pois as pessoas gostavam do lugar e acabavam ficando.[8] São pioneiras de Areia Branca as famílias de Eleutério Fernandes de Andrade, José de Sá Ribas e Henrique Germano.[8] A essa saga povoadora, mais tarde se juntaram outros denodados pioneiros.[8]
No dia 14 de novembro de 1951, através da Lei Estadual nº 790, o povoado é elevado à categoria de Distrito Administrativo,[8] com a denominação de Areia Branca.[8] Em 1952, quando Contenda foi elevada à categoria de município,[8] com território do município da Lapa, Areia Branca era a sua principal vila.[8]
Os antigos proprietários do primeiro restaurante existente na localidade, instalado às margens da BR-116, quando em uma viagem de férias ao Rio de Janeiro, ficaram encantados com a beleza do Hotel-Cassino Quitandinha.[8] Não tiveram dúvidas, e ao regressarem da viagem, deram ao seu estabelecimento comercial o nome de Restaurante Quitandinha.[8] O local se tornou ponto de referência do município,[8] com a denominação, posteriormente, suplantando a antiga Areia Branca no gosto popular.[8]
Em 13 de junho de 1961, o Distrito de Areia Branca é elevado à categoria de município,[8] através da Lei Estadual nº 37,[8] com território desmembrado de Contenda e Rio Negro.[8] A instalação oficial se deu no dia 23 de novembro do mesmo ano.[8] O primeiro prefeito foi o senhor Eleutério Ricardo de Andrade.[8]Transporte[editar | editar código-fonte]
O município de Quitandinha é servido pelas seguintes rodovias:[9]BR-116, que passa por seu território, que liga Curitiba a Porto Alegre
PR-511, que liga a cidade ao município de Contenda (Catanduvas do Sul)
Referências? a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008 ? «Distâncias entre a cidade de Curitiba e todas as cidades do interior paranaense». EmSampa. Consultado em 22 de setembro de 2017 ? IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 dez. 2010 ? «Censo Populacional 2010». Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2010. Consultado em 11 de dezembro de 2010 ? «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 ? a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 dez. 2010 ? a b c d e f g h José Domingos (16 de junho de 2009). «LAPA AGRADECIDA E QUITANDINHA EM DESTAQUE». Página pessoal do jornalista. Consultado em 27 de junho de 2009. Arquivado do original em 4 de março de 2016 ? a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x FERREIRA, João Carlos Vicente (1996). O Paraná e seus municípios. Maringá: Memória Brasileira. 559 páginas ? «Sistema Rodoviário Estadual 2017» (PDF). Departamento de Estradas de Rodagem. 1 de novembro de 2017. Consultado em 28 de janeiro de 2019
Ligações externas[editar | editar código-fonte]
Página da prefeitura
vdeRegião Metropolitana de CuritibaAdrianópolis ? Agudos do Sul ? Almirante Tamandaré ? Araucária ? Balsa Nova ? Bocaiúva do Sul ? Campina Grande do Sul ? Campo do Tenente ? Campo Largo ? Campo Magro ? Cerro Azul ? Colombo ? Contenda ? Curitiba ? Doutor Ulysses ? Fazenda Rio Grande ? Itaperuçu ? Lapa ? Mandirituba ? Piên ? Pinhais ? Piraquara ? Quatro Barras ? Quitandinha ? Rio Branco do Sul ? Rio Negro ? São José dos Pinhais ? Tijucas do Sul ? Tunas do Paraná Paraná, Brasil
Este artigo sobre municípios do estado do Paraná é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Portal do Brasil