criar site brusque em Pimenteiras do Oeste

Encontre criar site brusque em Pimenteiras do Oeste na Web4business - Desenvolvimento de Sistemas e Sites Personalizados.

Criar

Dar existência a.
Originar.
Inventar.
Gerar; produzir: _criou muitos filhos_.
Instituir, fundar: _criar asilos_.
Amamentar.
Educar.
Promover a procriação de: _criar gado_.
Cultivar.
Adquirir.


Criar

Encher-se de pus (uma ferida), resultante de picada: _tenho um dedo a criar_.


Criar

Ter dinheiro.


Criar

Afagar, acarinhar.


Pimenteiras Do Oeste

Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde setembro de 2017). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.?Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Município de Pimenteiras do Oeste
"Cidade Verão"
Vista Aérea de Pimenteiras do OesteBandeira indisponívelBrasãoHino
Aniversário27 de dezembro
Fundação27 de dezembro de 1995 (23 anos)
Gentílicopimenteirense
LemaGovernar e prosperar
Prefeito(a)Olvindo Luiz Donde (PDT)(2017 – 2020)
Localização
Localização de Pimenteiras do Oeste em RondôniaPimenteiras do Oeste Localização de Pimenteiras do Oeste no Brasil
13° 28' 57" S 61° 02' 48" O13° 28' 57" S 61° 02' 48" O
Unidade federativaRondônia
MesorregiãoLeste Rondoniense IBGE/2008 [1]
MicrorregiãoColorado do Oeste IBGE/2008 [1]
Municípios limítrofesParecis (N), Cerejeiras, Chupinguaia e Corumbiara (L), Alto Alegre dos Parecis (O).
Distância até a capital610 km
Características geográficas
Área6 014,726 km² [2]
População2 191 hab. est. IBGE/2018[3]
Densidade0,36 hab./km²
Altitude185 m
Climaequatorial Am
Fuso horárioUTC?4
Indicadores
IDH-M0,715 alto PNUD/2000 [4]
PIBR$ 59 425,783 mil IBGE/2008[5]
PIB per capitaR$ 24 485,28 IBGE/2008[5]Pimenteiras do Oeste é um município brasileiro do estado de Rondônia.Índice1 Geografia
2 História2.1 Ocupação
3 Educação
4 Festival de Praia
5 Referências
6 Ligações externasGeografia[editar | editar código-fonte]
Localiza-se a uma latitude 13º28'57" sul e a uma longitude 61º02'48" oeste, estando a uma altitude de 185 metros. Sua população estimada em 2018 pelo IBGE foi de 2.191 habitantes.
Possui uma área de 6.015 km².História[editar | editar código-fonte]
A localidade de Pimenteiras foi elevada à categoria de distrito do Município de Cerejeiras no dia 10 de agosto de 1983, através do decreto nº 1.396 e reafirmado pela lei nº 005, de 21 de novembro do mesmo ano.
Através da lei nº 645, de 27 de dezembro de 1995, assinada pelo Governador Valdir Raupp de Matos, o distrito obteve sua emancipação com o nome de Pimenteiras do Oeste, porque a lei não permite a criação de um novo município com o nome de outro já existente.Ocupação[editar | editar código-fonte]
O processo de ocupação do espaço natural onde hoje se localiza o Município de Pimenteiras do Oeste, originou-se da fuga dos escravos procedentes de Vila Bela da Santíssima Trindade do Estado de Mato Grosso. Os escravos fugindo de Vila Bela, dirigiam-se para o Norte, seguindo o curso do Rio Guaporé. Embora haja referências quanto a este processo que teria se iniciado no séculos XVII e XVIII, o que nos parece mais certo é que a fundação de quilombos ocorreu durante o primeiro Ciclo da Borracha, entre 1877 a 1914. A área da fazenda Santas Cruz constituiu uma expressão dessa realidade e tornou-se o germe do povoado e, hoje, município. Na localidade de Laranjeiras, até hoje existente como um povoado e que abriga cerca de 70 moradores, tivemos outro núcleo de ocupação que, segundo informações foi fundado pelo seringueiro veneziano Américo Casara.
Do que foi exposto até aqui, podemos afirmar que a matriz de onde se originou o processo de ocupação da área foi Vila Bela da Santíssima Trindade; o deslocamento dos negros fugitivos consolidou-se com o povoado da Fazenda Santa Cruz, em consequência do Primeiro Ciclo da Borracha.
Francisco Matias, pesquisador da História Política de Rondônia, afirma: "O lote Pimenteiras, contíguo ao lote Barranco Vermelho, situado no pontal do Rio Cabixi com o Rio Guaporé, foi doado à firma exploradora de borracha silvestre Stofen, Sechemak, Muller & Cia, no dia 25 de janeiro de 1913. A 3 de abril de 1929, foi doado a João Nepomuceno Ceballo pelo governo do Estado de Mato Grosso. Essa doação contudo foi retificada pela Secretaria de Terras e Obras Públicas de Mato Grosso que expediu certidão em 10 de fevereiro de 1943, confirmando a posse à firma alemã Stofen, Sechemak, Muller & Cia"
Com o declínio do Ciclo da Borracha, Pimenteiras passou a viver basicamente da pesca nos rios Guaporé e Cabixi. A região estava muito isolada. O acesso só era possível por barco ou via área. Em 13 de setembro de 1943 ocorreu a criação do Território Federal do Guaporé, em terras desmembradas do Mato Grosso e Amazonas. O lote Pimenteiras que pertencia ao Estado de Mato Grosso passou a integrar o Território Federal do Guaporé, posteriormente denominado Rondônia.
No início da década de 80 o governo do Território Federal de Rondônia decidiu construir a rodovia estadual RO-399, ligando o município de Vilhena a Colorado do Oeste. Essa estrada penetrou mais para o interior e, no dia 24 de outubro de 1980, o governador Jorge Teixeira de Oliveira inaugurou a primeira penetração da BR-364 no vale do Guaporé, cujo ponto final fica hoje na cidade de Pimenteiras. Os moradores remanescentes da Fazenda Santa Cruz foram transferidos para o local onde hoje está localizado o sítio urbano de Pimenteiras.Educação[editar | editar código-fonte]
Ensino básico, fundamental e médio
Escola Inácio de Castro (Público)
Escola Municipal Paulo Freire (Público)
Festival de Praia[editar | editar código-fonte]
XXIII Festival de Praia, considerado o principal evento do Cone Sul de Rondônia
Banhistas do Festival no rio Guaporé
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde setembro de 2017). Ajude a inserir referências.O conteúdo não verificável pode ser removido.?Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)Considerado o maior do Cone Sul[necessário esclarecer] do estado de Rondônia, o evento ocorre as margens do Rio Guaporé. Realizado sempre no mês de setembro, o Festival de Praia atrai milhares de pessoas de todo o estado. O maior evento de praia de água doce da região, além de ser um momento de diversão, é uma oportunidade de crescimento econômico do comércio local.
Dentre as várias atrações realizadas nos quatro dias de festas estão: desfile da Garota Verão, torneio de vôlei e futebol feminino e masculino, e ginástica aeróbica para os interessados, além dos shows ao vivo na noite do evento com bandas regionais e nacionais. O Festival de Praia de Pimenteiras do Oeste está[quando?] em sua 23ª edição sendo o último realizado entre os dias 6 e 9 de setembro de 2012.Referências? a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008 ? IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 ? «IBGE Cidades.». Estimativa populacional de 2018. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 01 de julho de 2018. Consultado em 09 de julho de 2019.  Verifique data em: |acessodata=, |data= (ajuda)? «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 ? a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
Ligações externas[editar | editar código-fonte]
Página da Prefeitura Municipal
Câmara Municipal
vde Fronteiras do BrasilComissões demarcadoras de fronteira1 PCDL ? 2 PCDLPaíses limítrofesArgentina ? Bolívia ? Colômbia ? Guiana Francesa (França) ? Guiana ? Paraguai ? Peru ? Suriname ? Uruguai ? VenezuelaMacrorregiões fronteiriçasCentro-Oeste ? Norte ? SulEstados fronteiriçosAcre ? Amapá ? Amazonas ? Mato Grosso ? Mato Grosso do Sul ? Pará ? Paraná ? Rio Grande do Sul ? Rondônia ? Roraima ? Santa CatarinaMunicípios fronteiriçosSocioeconômicoÁrea ? Área urbana ? População ? Densidade demográfica ? PIB ? PIB per capita ? renda per capita ? IDH ? GiniBifronteiriços ou tríplices fronteirasAtalaia do Norte ? Assis Brasil ? Barra do Quaraí ? Corumbá ? Foz do Iguaçu ? Laranjal do Jari ? Oriximiná ? São Gabriel da Cachoeira ? Uiramutã ? Uruguaiana

Fronteira simplesAceguá ? Acrelândia ? Alecrim ? Almeirim ? Alta Floresta d'Oeste ? Alto Alegre ? Alto Alegre dos Parecis ? Amajari ? Antônio João ? Aral Moreira ? Bagé ? Bandeirante ? Barcelos ? Barracão ? Bela Vista ? Belmonte ? Benjamin Constant ? Bom Jesus do Sul ? Bonfim ? Brasileia ? Cabixi ? Cáceres ? Capanema ? Capixaba ? Caracaraí ? Caracol ? Caroebe ? Chuí ? Comodoro ? Coronel Sapucaia ? Costa Marques ? Crissiumal ? Cruzeiro do Sul ? Derrubadas ? Dionísio Cerqueira ? Dom Pedrito ? Doutor Maurício Cardoso ? Entre Rios do Oeste ? Epitaciolândia ? Esperança do Sul ? Feijó ? Garruchos ? Guaíra ? Guajará ? Guajará-Mirim ? Guaraciaba ? Herval ? Iracema ? Itaipulândia ? Itapiranga ? Itaqui ? Jaguarão ? Japorã ? Japurá ? Jordão ? Mâncio Lima ? Manoel Urbano ? Marechal Cândido Rondon ? Marechal Thaumaturgo ? Mercedes ? Mundo Novo ? Normandia ? Novo Machado ? Nova Mamoré ? Óbidos ? Oiapoque ? Pacaraima ? Paraíso ? Paranhos ? Pato Bragado ? Pedras Altas ? Pérola d'Oeste ? Pimenteiras do Oeste ? Pirapó ? Plácido de Castro ? Planalto ? Poconé ? Ponta Porã ? Porto Esperidião ? Porto Lucena ? Porto Mauá ? Porto Murtinho ? Porto Velho ? Porto Vera Cruz ? Porto Walter ? Porto Xavier ? Pranchita ? Princesa ? Quaraí ? Rodrigues Alves ? Roque Gonzales ? Santa Helena (PR) ? Santa Helena (SC) ? Santa Isabel do Rio Negro ? Santa Rosa do Purus ? Santa Vitória do Palmar ? Santa Terezinha de Itaipu ? Santana do Livramento ? Santo Antônio do Içá ? Santo Antônio do Sudoeste ? São Borja ? São Francisco do Guaporé ? São José do Cedro ? São Miguel do Iguaçu ? São Nicolau ? Sena Madureira ? Serranópolis do Iguaçu ? Sete Quedas ? Tabatinga ? Tiradentes do Sul ? Tunápolis ? Vila Bela da Santíssima Trindade
 Brasil
Portal do Brasil Portal de Rondônia
Este artigo sobre municípios de Rondônia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.