atualizar site em Caiuá

Encontre atualizar site em Caiuá na Web4business - Desenvolvimento de Sistemas e Sites Personalizados.

Caiuá

Nota: Para outras cidades com este nome, veja Caiuá (desambiguação).Município de CaiuáBandeiraBrasãoHino
Aniversário19 de março
Fundação19 de março de 1922 (97 anos)
Emancipação30 de dezembro de 1953 (65 anos)
Gentílicocaiuaense
Padroeiro(a)São José
CEP19450-000
Prefeito(a)Rute Almeida Lima (PTB)(2017 – 2020)
Localização
Localização de Caiuá em São PauloCaiuá Localização de Caiuá no Brasil
21° 49' 55" S 51° 59' 52" O21° 49' 55" S 51° 59' 52" O
Unidade federativaSão Paulo
MesorregiãoPresidente Prudente IBGE/2008 [1]
MicrorregiãoPresidente Prudente IBGE/2008 [1]
Municípios limítrofesPresidente Epitácio, Panorama, Presidente Venceslau e Marabá Paulista
Distância até a capital624 km[2]
Características geográficas
Área535,522 km² [3]
População5 039 hab. Censo IBGE/2010[4]
Densidade9,41 hab./km²
Altitude375 m
ClimaSubtropical Cfb
Fuso horárioUTC?3
Indicadores
IDH-M0,71 alto PNUD/2000 [5]
PIBR$ 80 715,137 mil IBGE/2008[6]
PIB per capitaR$ 15 132,20 IBGE/2008[6]
Página oficial
Prefeiturahttp://www.caiua.sp.gov.brCaiuá é um município brasileiro do estado de São Paulo.Índice1 História
2 Geografia2.1 Demografia
2.2 Hidrografia
2.3 Rodovias
3 Comunicações
4 Referências
5 Ligações externasHistória[editar | editar código-fonte]
No início do século XX, na época da expansão de Estrada de Ferro Sorocabana - EFS para atingir as margens do Rio Paraná e em conseqüência o Estado de Mato Grosso, foram surgindo diversos núcleos. Foi assim que teve origem no início de 1922 o povoado de Caiuá. O povoado recebeu este nome pelo fato de a região ter sido habitada pelos índios pertencentes à tribo Caiuá, que em tupi-guarani significa Mato Ralo. Inicialmente, porém, era indicado como Água do Pavão.
Fundadores
Os fundadores de Caiuá foram João Moisés, João Manjolo, Salvador Antonio, Manoel Teixeira, Alfredo Lopes, Bernardo Ferreira, Benjamim de Arruda Vaz, João Crisóstomo Ferraz, Pedro Alexandre e os irmãos Cleto Marinho de Carvalho, Dario Marinho de Carvalho e Antonio Marinho de Carvalho Júnior.
Já em fins de 1928, o pequeno povoado teve a criação do Distrito de Paz de Caiuá, no município de Presidente Venceslau, Comarca de Santo Anastácio, pela lei 2310 de 14 de dezembro de 1928.
Autonomia
Em 30 de dezembro de 1953, Caiuá foi elevado à condição de Município através da Lei nº 2.456. As eleições foram realizadas a três de outubro de 1954, sendo que nesse primeiro pleito votaram 706 eleitores. A instalação do Município ocorreu em 1 de janeiro de 1955. José Pinto Lima foi o primeiro prefeito, tendo como vice-prefeito Primo Furlan. Como primeiro presidente da Câmara Municipal de Caiuá foi escolhido Joviano Medeiros.
A comemoração da autonomia político-administrativa de Caiuá se dá, entretanto, a 19 de março, dia de São José, que é o padroeiro da cidade.
A cidade está compreendida na Zona Eleitoral de Presidente Venceslau, embora o município, por força da Lei 6.166 de 29 de junho de 1988 faça faz parte da Comarca de Presidente Epitácio, onde, consequentemente, são feitos todos os registros de imóveis, protestos, títulos e documentos, além dos processos judiciais.
Os habitantes de Caiuá recebem a denominação de caiuaense, possui um único Distrito de Paz, sendo a Delegacia de Polícia de 4ª Classe, pertencendo a Subregião de Presidente Venceslau.
Limites
Através dos seus anos de existência, Caiuá foi desenvolvendo-se junto com o sertão do Rio Paraná.
Situa-se na parte sudoeste de Estado de São Paulo, ocupando uma área de 505 km².
Limita-se ao Norte com o Município de Panorama, ao Sul com o Município de Marabá Paulista, ao Leste com Presidente Venceslau e ao Oeste com Presidente Epitácio.
Altitude 315 metros, Zona Fisiográfica do Estado: Sertão do Rio Paraná; Coordenadas Geográficas: Latitude 21º 49' Sul; Longitude: 52 de W. Gr.
Em sua maior parte, os solos do Município de Caiuá, como o de toda região, são de textura arenosa, originados do arenito de Bauru. Segundo a "Carta dos Solos do Estado de São Paulo", predomina o solo Latoso 1 Vermelho Escuro - fase arenosa com porcentagem de 53,3%.
A força da estrada de ferro
Visando alcançar as margens do rio Paraná, e conseqüentemente o estado do Mato Grosso, os trilhos da Estrada de Ferro Sorocabana foram rasgando o sertão. Com isso foram surgindo diversos núcleos de povoação.
A origem de Caiuá remonta o ano de 1922, com a chegada dos trilhos da Sorocabana.A elevação a município ocorreu com a lei nº 2.456, de 30 de dezembro de 1953, comarca de Presidente Venceslau (102a eleitoral), instalado em 1 de janeiro de 1955.
O município consta de um único Distrito de Paz, o de Caiuá. E é Delegacia de Polícia de 5a classe, pertencente a 3a Divisão Policial, região de Presidente Prudente. A denominação local dos habitantes do município é caiuaense.
Em Caiuá já não existe mais a estação ferroviária, que foi demolida, e segundo a Prefeitura, porque o prédio estava bastante danificado. Restam apenas os trilhos, duas casas de ex-funcionários, a plataforma onde ficava a estação e a caixa d'água.Geografia[editar | editar código-fonte]
Localiza-se a uma latitude 21º49'54" sul e a uma longitude 51º59'54" oeste, estando a uma altitude de 375 metros. Sua população estimada em 2004 era de 4.629 habitantes. Possui uma área de 535,522 km².Demografia[editar | editar código-fonte]
Dados do Censo - 2000
População Total: 4.192Urbana: 1.769
Rural: 2.423
Homens: 2.186
Mulheres: 2.006
Densidade demográfica (hab./km²): 7,83
Mortalidade infantil até 1 ano (por mil): 28,96
Expectativa de vida (anos): 65,41
Taxa de fecundidade (filhos por mulher): 2,78
Taxa de Alfabetização: 83,34%
Índice de Desenvolvimento Humano (IDH-M): 0,710IDH-M Renda: 0,628
IDH-M Longevidade: 0,673
IDH-M Educação: 0,829
(Fonte: IPEADATA)Hidrografia[editar | editar código-fonte]
Rio do Peixe
Rio Santo Anastácio
Córrego Caiuazinho
Córrego Bandeirantes
Córrego do Veado
Córrego Água Sumida
Córrego Jaguatirica
Rodovias[editar | editar código-fonte]
SP-270
Comunicações[editar | editar código-fonte]
A cidade foi atendida pela Empresa Telefônica Paulista[7][8] até 1973, quando passou a ser atendida pela Telecomunicações de São Paulo (TELESP)[9], que construiu a central telefônica utilizada até os dias atuais. Em 1998 esta empresa foi privatizada e vendida para a Telefônica[10], sendo que em 2012 a empresa adotou a marca Vivo[11] para suas operações de telefonia fixa.Referências? a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008 ? «Distâncias entre a cidade de São Paulo e todas as cidades do interior paulista». Consultado em 24 de janeiro de 2011 ? IBGE (10 de outubro de 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 ? «Censo Populacional 2010». Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2010. Consultado em 11 de dezembro de 2010 ? «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 ? a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 ? «Relação do patrimônio da Empresa Telefônica Paulista incorporado pela Telesp» (PDF). Diário Oficial do Estado de São Paulo ? «Telesp assume controle da Cia. Telefônica Rio Preto e da Empresa Telefônica Paulista». Acervo O Estado de São Paulo ? «Área de atuação da Telesp em São Paulo». Página Oficial da Telesp (arquivada) ? «Nossa História». Telefônica / VIVO ? GASPARIN, Gabriela (12 de abril de 2012). «Telefônica conclui troca da marca por Vivo». G1
Ligações externas[editar | editar código-fonte]
Página da prefeitura